Menu

MINHA VIAGEM AO PERU: LIMA – parte #1

Falando sobre: Viagens
06 jul 2016

157

 

Toda vez que volto de viagem sofro com uma espécie de limbo, meio aérea e morrendo de saudade do lugar que acabei de deixar. Mas passando alguns dias consigo voltar ao normal e retornar ao trabalho (parte mais difícil haha).

Com a viagem ao Peru não foi diferente! Além do mais foi, com certeza, uma das melhores da minha vida até agora.

Fiquei dez dias entre Lima, Cusco, Vale Sagrado e a tão sonhada Machu Picchu. Então estou separando os posts por regiões que fiquei, hoje vão ser os 2 primeiros dias em Lima.

Cheguei em Lima num domingo, por volta do meio dia, morrendo de fome, já que lá o fuso é de 2 horas a menos. A primeira impressão da cidade foi: neblina!

Eu já sabia que lá nunca chove e nunca faz sol, mas é uma visão peculiar uma cidade toda cinza e sem nem um rainho de sol. Mas isso não significa que eu não tenha gostado, porque eu adorei!

A cidade é banhada pelo Oceano Pacífico e tem muitas praias, as quais nem cheguei perto por estar frio e, caso você não saiba, não sou super fã de areia e água salgada não rs.

 

071

 

Fiquei hospedada no bairro de Miraflores, um dos mais recomendados de Lima. Normalmente fico em hostel, se você tem algum receio desse tipo de hospedagem, fique tranquilo! Hostels são lugares muito mais legais do que você imagina, cheio de gente jovem e amigável, com festas todo dia. Além do que as oportunidades de conhecer novas culturas e atividades na cidade aumentam incrivelmente quando estamos com outras pessoas na mesma vibe que a gente.

Escolhi o Hostel Pariwana, muito bem avaliado em sites do segmento e completamente aprovado por mim! Amei o lugar, muito limpo, animado, comida maravilhosa e com preço bom. Outra vantagem de hostel é que todo mundo, normalmente, está com o orçamento apertado, então sempre podemos pegar boas dicas de passeios free/low budget na recepção ou com outros viajantes.

 

13621322_1786673501552853_1

 

Para o primeiro dia, separamos alguns pontos turísticos pra visitar a pé mesmo. Fomos ao Parque Del Amor, uns 10 minutinhos caminhando em linha reta pela Avenida Diagonal, logo em frente ao Hostel.

A praça fica de frente para costa, com uma vista maravilhosa do Oceano Pacífico e tem uma escultura enorme de um casal aos beijos. Em toda sua volta tem gramados e jardins floridos, onde muitos casais se sentam para apreciar o entardecer, além de muros baixos, cobertos de mosaicos com frases de amor. Logo ao lado da praça há uma pista de parapente, o que deixa a vista do mar ainda mais interessante, com o céu cheio de pontos coloridos. É sem dúvidas um lugar extremamente romântico!
066

054

059

045

 

Voltei andando para o Hostel e comi por lá mesmo. Esperimentamos dois pratos típicos, o Lomo Saltado – uma espécie de frango xadrez, mas com carne bovina – e Quinoa ao Pesto,  esse cereal é muito popular no país. Ambos estavam uma delícia, mas eu gostei mais do prato vegetariano de quinoa.

 

075

 

Ao anoitecer, segui para o Circuito Mágico del Aguas, no Parque de la Reserva. Fica a uns 20 minutos de taxi, partindo de Miraflores e me custou em torno de 10 Nuevos Soles (vou falar sobre a moeda e dar dicas para o taxi no próximo post!).

O parque conta com várias fontes diferentes, algumas são fontes comuns, com esguinchos bonitos e outras, muito mais interessantes, são interativas! Isso mesmo, além de ver toda a beleza da água em movimento, você pode brincar com ela.

Cheguei um pouco antes das 19 horas e tive tempo de ver o show de animação que usa uma parede de água para ser exibido.

 

087

 

As que eu mais gostei foram o Túnel e o Labirinto (tem mais detalhes dela no vídeo da viagem!). Não sei dizer se esses são os nomes oficiais, mas o parque não é tão grande assim e você pode fazer o circuito, literalmente, iniciando na fonte 1 e seguindo até a última.

O Parque funciona de terça a domingo, das 15h às 22h, paguei por volta de 8 soles a entrada e achei que valeu a pena só pelas risadas no labirinto!

A noite logo no primeiro dia, conheci uma brasileira na recepção (pode procurar pela Natália!) que deu a melhor dica: Tour Grátis pelo centro antigo de Lima, saindo da praça logo em frente ao hostel!

Então fica a dica: todos os dias, às 11h da manhã, sai um tour a pé do Parque Central de Miraflores (que na verdade é uma praça). É só chegar lá uns minutinhos antes e se juntar a um grupo de pessoas de diferentes países, que estará lá pra fazer a mesma coisa que você. Aí aproveita pra já fazer umas amizades nesse tempinho! O guia usa uma camiseta amarela, com ‘Free Tour’ estampada. Ele é peruano, mas normalmente fala inglês também.

Na manhã seguinte, aguardamos o tour. Seguindo o guia, fomos andando para uma estação de ônibus, ele avisou quanto seria o ticket, pagamos e ele mesmo comprou pra todos.

Não consigo me lembrar o nome dele, mas foi um fofo! Explicou muito bem sobre a história de Lima e nos levou aos pricipais pontos históricos. Passamos por ruas, igrejas e praças importantes, aprendi sobre arquitetura da cidade, religião e até um pouco de política.

 

134

135

 

No fim do tour ele ainda nos convidou pra experimentar a comida local em um restaurante alí do centro mesmo. Cheguei a mostrar no snap, não foi o lugar mais limpo e agradável que eu poderia comer, mas sinceramente, eu amei! O restaurante era bem simples, meio podrão, mas a comida incrível e barata demais: um pratão enorme de ceviche, que comem duas pessoas tranquilamente, custou cerca de 12 soles. Pra acompanhar, pedi uma Inka Cola, aka o guaraná do Peru (que tem mais gosto de tubaína).

 

142

141

 

Depois do almoço não tínhamos roteiro, por isso decidimos acompanhar um casal que estava no tour com a gente (como disse, dá pra fazer muitos amigos!). Eles estavam indo visitar o Cristo del Pacífico, uma espécie de Cristo Redentor miniatura, que fica num mirante de frente pra cidade e mar. A vista é linda!

Mas se você resolver fazer esse passeio de taxi (o que eu recomendo), peça ao taxista para te esperar, pois lá em cima não passam meios de transporte e se a carona não ficar pra te levar de volta, vai acabar como nós: tendo que descer todo o morro a pé para pegar uma condução na parte baixa.

 

236

169

166

Como tive que andar bastante e estava me acostumando ainda com o ambiente e tudo mais, além de ter um voo para Cusco bem cedo no dia seguinte, resolvi dormir cedo. Apesar da festa no hostel estar bem convidativa, usei o tempo para descansar, já que a parte alta da viagem ainda estava por vir.

Próxima parada: Cusco e sua altidude de 3.400m acima do nível do mar. Mas isso vai ser assunto do próximo post!

Então não deixe de acompanhar o blog, pra reviver comigo essa viagem maravilhosa!

Beijos!

ESTOU DE FÉRIAS!

Falando sobre: Viagens
18 jun 2016

Apesar do bloguinho ter apenas algumas semanas de vida, o canal já tem quase um ano e meio. E durante esse tempo ainda não havia tirado uns dias pra mim.

Sou super apaixonada por viajar, sem dúvidas, é a coisa que mais gosto de fazer na vida. Se eu tivesse condições, trabalharia viajando e costuraria em todos os lugares do mundo. Seria uma experiência de sonho mesmo, poder aprender técnicas e criar peças de roupas em todo lugar <3

Então agora nessa segunda metade de junho, estarei fora viajando. Mas vocês não precisam se preocupar, porque NADA aqui vai parar!

 

dicasdasamericas.com.br

dicasdasamericas.com.br

 

Bom, se nada vai mudar por que eu estou aqui contanto isso pra vocês? Porque as postagens já estão todas programadas, mas eu vou demorar um pouquinho pra responder. Então não se desesperem, é só esperar uns dias, que eu volto e organizo todos os comentários, emails e tudo mais. Você não vão ficar sem resposta! Todo mundo sabe o quanto eu prezo por esse relacionamento com vocês, então não poderia deixar de de lado os comentários que fizerem!

Isso não significa que eu quero menos comentarios, viu? É pra encher esse bloguinho e os vídeos de recadinhos, assim vou saber que vocês estão gostando! E fiquem ligados nas redes sociais, porque vou registrando tudo pelo Insta, Facebook e Snap (karinabelarm).

 

agilizaviagens.tour.com.br

agilizaviagens.tour.com.br

 

Agora vocês devem estar se perguntando pra onde eu vou, né? E eu não vou deixar vocês morrendo de curiosidade não!

Eu estou indo para o Perú! Vai ser minha primeira visita ao país e estou muito ansiosa para conhecer tudo. Vão ter várias paradas nessa viagem e eu vou contar tudo pra vocês em outros posts e um vídeo também.

Vão ser dez dias por lá e eu vou registrar tudo pra vocês conhecerem esses lugares comigo e também porque eu quero ter um arquivo das minhas viagens a partir de agora. É uma pena que eu não tinha o canal e o blog antes, porque eu adoraria poder ter um registro editadinho e bonito de todas as viagens anteriores pra rever aqui. Mas não tem problema, agora vou ter! <3

 

machupicchu.org

machupicchu.org

 

Como essa viagem vai ter cidade, interior e montanha, minha mala foi uma tarefa difícil, ainda mais pq eu queria levar pouca coisa. Então vou mostrar pra vocês,  em um próximo post, como eu fiz isso e dar dicas de como montar uma mala pequena, mas que dá pra aproveitar em várias situações, ok?

Vou fazer um post contando tudo como foi a organização dessa viagem e dando dicas muito importantes, pra quem quer visitar o Peru também. Tiveram várias coisas que eu quebrei a cabeça pra descobrir e seria muito bom se houvesse um post com todas as informações reunidas. Por isso vou fazer pra vocês 🙂

Aguardem as imagens dessa viagem e não percam por nada os próximos vídeos e posts, tá bom? To contando com vocês e vou ficar de olho aqui e no blog durante a vigem pra saber se vcs vieram me ver <3

E você, já foi pra Lima ou pra Machu Picchu? Me conta se ficou com vontade de ir ou se tem alguma dica pra mim!

Beijos!